Marco Antônio Ferreira da Silva (foto), natural de Chapadinha-MA, confessou ter matado o indivíduo conhecido por "Batoré", cujo corpo foi encontrado na tarde desta segunda-feira (16), no povoado Aroeira, zona rural de Vargem Grande.

Segundo testemunhas, na noite de sábado (14), a vítima tinha cerca de R$ 800,00 em mãos e bebia em companhia do acusado. No domingo, apenas este último foi visto no povoado, bebendo, como se nada tivesse ocorrido. No dia seguinte, dado o desaparecimento de Batoré, os moradores locais começaram a procurá-lo até encontrar seu corpo escondido dentro do matagal, com ferimentos de faca. A polícia foi acionada e, após saber que Marco Antônio já tinha má-fama na localidade por suspeita de homicídio em outro povoado, efetuou sua prisão, ocasião em que ele confessou o delito.

Na noite do crime, a vítima teria se embriagado e o acusado se comprometido em levá-la, de bicicleta, até sua casa. Na ocasião, Batoré possuía um revolver calibre 38, mas, devido ao seu estado, Marco Antônio lhe tirou a vida a facadas, ocultou seu corpo e ficou com sua arma e dinheiro. Os chinelos do acusado foram encontrados próximo ao cadáver, corroborando sua confissão.

Com ele, foram encontrados a arma da vítima (abaixo) e cerca de R$ 300,00. Marco Antônio, que residia no povoado Aroeira há apenas seis meses, encontra-se preso na Delegacia de Polícia Civil de Vargem Grande, à disposição da justiça.


(Editado em 19/04/12)

logoblog
Comentários
0 Comentários

0 comentários: