Segundo o cirurgião-dentista Ernani Maia, a Prefeitura de Chapadinha foi uma das responsáveis diretas pela posse indevida de terrenos pertencentes à UFMA, recém decidida pela justiça. No dia 24/11/11, a 5ª Vara Civil Federal do Maranhão deu parecer favorável à universidade e determinou a desapropriação dos terrenos no prazo de 180 dias. (leia aqui). Ernani conta que foi um dos lesados nessa história, uma vez que não invadiu a propriedade em que reside, mas a adquiriu de boa fé, com o aval da Prefeitura Municipal.

O ano era 2007 e o gestor, Magno Bacelar. Segundo Ernani, o então diretor de tributação do município, Janilton Cavalcante Aranha, e um senhor conhecido como "Zeca Rosa" teriam lhe oferecido um terreno próximo à universidade, que seria de propriedade de um irmão de "Zeca Rosa" e estaria à venda. Os dois teriam confirmado a legalidade da posse por meio de documentos (supostamente) idôneos. O dentista acreditou, comprou e pagou pelo terreno que, na verdade, pertencia à UFMA.

Ernani afirma ter passado por maus momentos desde que soube da ação movida pela universidade. Certa vez, por exemplo, um aluno da instituição teria se referido a ele como "o dentista invasor", em um estabelecimento comercial reconhecido na cidade. Ernani diz ter apresentado à justiça os documentos de transferência e construção emitidos pela prefeitura, ocasião em que a mesma foi intimada a se pronunciar, mas Magno Bacelar teria ignorado o chamado, vez que o município não era réu na ação. Como boa fé não ganha processo (em casos do tipo), Ernani Maia perdeu a questão, mas informou que pretende ajuizar uma ação contra o município por danos materiais e morais. Confiram o Aforamento (frente e verso) e o Alvará de Construção emitidos pela prefeitura (clique para ampliar):


Segundo populares, o município vem "avalizando" terrenos no local desde a gestão Isaías, contudo é a primeira vez (que eu saiba) que alguém divulga documentos da transação. Apesar de os envolvidos no caso de Ernani serem aliados muito próximos de Magno Bacelar, não há provas de que o ex-prefeito tenha participado do ocorrido. Considerando seus antecedentes, há apenas uma suspeita...

logoblog
Comentários
0 Comentários