Em Itapecuru-Mirim, nem mesmo os vereadores respeitam a lei que proíbe o uso de celulares e capacetes nas dependências de estabelecimentos bancários.

Segundo o relato de clientes, o caso mais recente foi protagonizado pelo líder do governo na Câmara, Rogério Maluf (foto), que chegou a discutir com um dos seguranças da agência local do Banco do Brasil quando este o alertara para a proibição.

Para quem assistiu o incidente a reação foi de espanto, já que o dispositivo foi aprovado pela própria Câmara Municipal e o referido edil sempre se mostrou favorável à norma. Ele não é o único a desrespeitá-la, mas foi o vereador que mais se exaltou ao ser alertado pelos seguranças.

A Lei nº 1.204/2011 proíbe, além de celulares e capacetes, o uso de rádios de comunicação nas dependências destas instituições. Mas em Itapecuru, o mau exemplo começa por quem jamais deveria, ou seja, pelo próprio parlamento.




Artigo relacionado:
logoblog
Comentários
0 Comentários

0 comentários: