Uma fonte ligada à Secretaria de Saúde de Chapadinha nos confirmou que a suposta "reestatização" do Hospital Antonio Pontes de Aguiar (HAPA) não passa de mais uma mentira da atual administração para conter a revolta dos cidadãos com o descaso na saúde pública.

A "retomada do HAPA pelo Governo do Estado" foi anunciada pela prefeita (não eleita) Danúbia Carneiro no mês de setembro, em razão de o problema ter repercutido na imprensa da capital (foto ao lado). Na época - segundo a prefeita - o Sec. de Saúde, Ricardo Murad, teria dito que o processo de reestatização do HAPA começaria "imediatamente" e seria concluído neste mês de dezembro. Danúbia anunciou a medida como "a solução para o caos na saúde" em um debate realizado na FAP/Cresu, promovido para conter um iminente protesto dos estudantes daquela instituição por conta da morte de uma colega ocorrida em um de nossos matadouros públicos municipais (leia-se: hospitais locais).

No entanto, segundo nossa fonte, a governadora e seu sec. de saúde teriam se comprometido apenas a injetar mais recursos na Saúde de Chapadinha durante o período pré-eleitoral, de modo a amenizar o problema para que este não venha a atrapalhar a campanha do grupo de Danúbia Carneiro. Embora tal informação não tenha cunho oficial, não será difícil conferir sua autenticidade: até o fim do ano, caso o Estado não retome o hospital, estará confirmada!

Este autor confessa que ficou um pouco aliviado ao tomar conhecimento da provável reestatização do HAPA, uma vez que, se ela ocorresse, os quase R$ 1 MILHÃO E MEIO mensais destinados à saúde municipal poderiam continuar "desaparecendo", mas, pelo menos, nossos conterrâneos poderiam contar com um (01) hospital razoável na cidade, mantido pelo Estado.

Fonte: blog Desperta Chapadinha (CLIQUE PARA AMPLIAR)

Agora, diante da possibilidade de uma simples "injeção provisória de recursos", não vejo esperança para a Saúde de Chapadinha. Ou será que é tão difícil presumir onde nossa ge$tora iria aplicar esse dinheiro extra, às vésperas das eleições municipais?


Artigos relacionados:
logoblog
Comentários
1 Comentários