Dr. Francisco Abreu, médico anestesista do Hospital Socorrão II, relata o caso de uma senhora que teria se acidentado gravemente em Chapadinha e só pôde ser atendida em São Luís 20 horas depois, por conta do descaso na Saúde local. Um vídeo curto, mas conciso. (Recebido por email, em 19/10/11)



logoblog
Comentários
0 Comentários