"Vergonha" é o termo mais apropriado para descrever o modo como os ge$tores municipais e seus periquitos conduziram a realização da "II Gincana Estudantil de Escolas da Rede Pública Municipal", ocorrida nos dias 07 e 08 deste mês.

Durante toda a tarde de sexta-feira (07), este blog recebeu inúmeras denúncias de como a atividade estudantil estava sendo usada com fins eleitoreiros, tantas que este autor julgou tratar-se de um "complô oposicionista".

Mas, ao final da mesma tarde, resolvi dar uma volta pela cidade e o que presenciei me deixou pasmo...

Pelas ruas da cidade, parentes e lacaios da ge$tora tocavam uma música eleitoreira disfarçada de "tema da gincana", dançando e bebendo, tomados de frenesi. Já no palco da Praça do Povo, políticos, blogueiros comprados e apaniguados de toda espécie faziam politicagem - debaixo do nariz de pseudo-educadores que fingiam-se de surdos - enquanto as crianças se divertiam e dançavam inocentes, totalmente alheias às manobras esdrúxulas.

"Tentaram atrapalhar nossa gincana!", dizia o suposto animador da festa. "Vamos dar uma vaia para quem tentou atrapalhar nossa gincana!", e a meninada vaiava sem saber a quem, vez que ninguém especificava nada. E caíam no funk de novo!

Crianças se divertindo na Praça do Povo, alheias à politicagem.

E entre uma e outra palavra útil, como um brevíssimo discurso anti-drogas, lá vinha a politicagem novamente: "Vocês estão se divertindo?" - e após a confirmação da criançada - "Estão vendo? Vocês não precisam de Rock in Rio pra se divertir!", como se os pré-adolescentes ligassem para o fato de Magno Bacelar ter sido chamado de "pela saco" na cidade do rock.

De tão ridículas, as cenas proporcionadas pelos "organizadores" chegavam a ser cômicas! Confesso que houve momentos em que me esforcei para ficar sério... Mas também houve os que me deixaram perplexo, como na hora em que o "animador" se dirigiu à criançada: "As mulheres estão dançando sozinhas... Cadê os homens daqui? Vamos lá homens, puxem a mulherada pra dançar. Ou aqui não tem macho?" Ainda bem que minha filhinha não estava lá...

Outro detalhe que me chamou a atenção - e que vem acontecendo desde as farras promovidas pela prefeitura em julho - foi que mantiveram a luz do palco apagada enquanto a prefeita e sua trupe encontravam-se nele. Pelo visto, eles preferem ficar no escuro a correrem o risco de algum paparazzi registrar seus "deslizes". Infelizmente, por ter imaginado que tantas denúncias eram exagero, saí de casa sem minha câmera infravermelha!

"Apaguem as luzes: A prefeita está no palco!"

Por fim, uma consideração: Tentando entender porque essa corja (quase) transformou uma simples gincana estudantil em mais um "pão e circo", deduzi que eles talvez tenham mudado o foco e agora estejam tentando condicionar nossos futuros eleitorezinhos, já que não conseguem mais ludibriar os adultos - como se estivessem planejando voltar daqui a alguns anos, uma vez que já esperam outra derrota nas eleições do ano que vem! Será???


Artigos relacionados:
logoblog
Comentários
6 Comentários