A residência da prefeita de Timon, Socorro Waquim (foto), foi invadida por seis homens fortemente armados e encapuzados por volta das 22 horas de ontem (26), no bairro Parque Piauí, na cidade maranhense.

Depois de render o vigia, os ladrões amarram os dois filhos da prefeita que estavam em casa, Ulisses e Amanda Waquim, além da namorada de Ulisses.

Socorro Waquim está em São Luis e seu marido, Setimo Waquim, em Brasília, onde exerce a função de deputado federal pelo Maranhão. De acordo com a polícia, apenas na manhã desta quinta-feira (27) as vítimas compareceram ao Distrito para prestar queixa.

No depoimento, eles relataram que foram amordaçados junto com a doméstica e trancados dentro do banheiro. Após revirarem a casa toda em busca de um cofre que não existe, os bandidos deixaram o local levando pertences pessoais, algumas jóias e o circuito interno de monitoramento de imagens.

Ulisses Waquim, que é secretário de Esporte e Cultura, relatou que os ladrões perguntavam onde estava o cofre. "Eu dizia que não tinha cofre. Então, eles mexeram em toda a casa e viram que não tinha cofre e saíram. Eles estavam fortemente armados e com coletes", disse Ulisses.

O sobrinho da prefeita, Alexandre Assunção, afirmou que estavam armados com metralhadoras e pistolas. As investigações estão a cargo do 1º Distrito Policial e segundo os primeiros levantamentos, o bando estava numa Ranger cor preta e seria do Pará.


Por Caroline Oliveira e Carlos Lustosa Filho (Cidade Verde)

Artigos relacionados:
logoblog
Comentários
0 Comentários