O vulcão Puyehue, localizado na Cordilheira dos Andes, região sul do Chile, entrou em erupção no último final de semana e mostrou ao mundo que a natureza pode ser bela até mesmo em suas manifestações mais violentas.

Estimada em dez quilômetros de altura por cinco de largura, a coluna de cinzas que se formou a partir da erupção obrigou 3.500 pessoas a deixarem a região próxima ao vulcão e já prejudica o tráfego aéreo em vários países, inclusive no Brasil - sem falar dos problemas respiratórios que podem advir do fenômeno.

Mas um fato impressionante ocorreu durante a erupção: uma tempestade elétrica, talvez causada pelo atrito entre as partículas expelidas pelo vulcão e as nuvens, fez com que o céu sobre o Puyehue ficasse entrecortado de raios coloridos, proporcionado um espetáculo de extrema beleza, apesar do perigo. (veja algumas imagens abaixo - clique para ampliar). É, irmãos: como uma mãe que, por meio de um puxão de orelha, busca orientar os filhos malcriados, a natureza, vez ou outra, ratifica que "NÓS somos pequenos diante DELA", e não o contrário...




A última erupção do Puyehue ocorreu em 1960, após o maior terremoto já registrado no Chile.

Fontes: Estadão, BBC Brasil.

Leia também:
logoblog
Comentários
0 Comentários