Virou rotina II: Um bebê de menos de um ano foi encontrado amarrado e amordaçado em casa, no município de Caieiras (SP). A polícia, que chegou ao local após receber uma denúncia sobre "choro abafado de criança", arrombou a porta e levou o bebê para o pronto-socorro mais próximo. Única suspeita do crime, uma vez que morava sozinha com o filho, a mãe, 28 anos, foi detida uma hora depois e autuada em flagrante por tentativa de homicídio qualificado, com o emprego de tortura e cárcere privado. (fonte: Estadão)



Furto na Landry (VG): Mais de 20 mil reais em produtos foram furtados da loja Landry Móveis, em Vargem Grande, na madrugada desta terça (07). Os ladrões levaram relógios, celurares e câmeras digitais, entre outros produtos que estavam em exposição, além do dinheiro que estava no caixa. Segundo os relatos, o alarme chegou a disparar mas - ainda assim - os meliantes conseguiram concretizar o furto. Um apartamento destinado a funcionários que fica nos fundos da empresa, por onde os ladrões teriam entrado, encontrava-se desocupado no momento do crime.



Sarneylândia News: O IBGE divulgou que Belágua (241 Km da capital e 6.527 habitantes) foi o município maranhense que teve o maior percentual de crianças mortas antes de completar 1 ano, de agosto de 2009 a julho de 2010: 33,33%. Ou seja, de cada 3 pessoas que morreram no período, uma ainda era bebê. De acordo com os dados, Belágua é seguida por Altamira do Maranhão (32,14%), Marajá do Sena (30,77%) e Nina Rodrigues (30,43%). Atualmente, Belágua é apontada como o 6º município mais pobre do Maranhão. (fonte: Jornal Pequeno)



Acidente na ponte: Por volta das 20:15 de segunda (06), mais um acidente fatal ocorreu na BR-222, próximo ao município de Vargem Grande, mais precisamente sobre a ponte do Rio Iguará. Segundo a PM, a vítima José Raimundo de Oliveira, 44 anos, trafegava em uma moto sem iluminação traseira e foi atingida (por trás) por um Fiat Uno, no momento em que uma carreta cruzava pelos dois. Mais uma tragédia que poderia ter sido evitada se todos seguissem as normas de trânsito vigentes ou - pelo menos - conduzissem seus veículos com mais prudência.



Erro fatal: Em Arcoverde, no sertão de Pernambuco, um garoto de 16 anos foi morto pelo pai após ter sido confundido com um assaltante. O jovem teria chegado da escola por volta das 21:00h, mais cedo que de costume, e teria se escondido na garagem de casa. Seu pai foi ao local e, ao ver sua sombra, acreditou que a residência havia sido invadida. Com o susto, disparou contra o peito do próprio filho, que chegou a ser socorrido mas não resistiu ao ferimento. Após prestar depoimento, o homem foi liberado. (fonte: Estadão)


Artigos relacionados:
logoblog
Comentários
0 Comentários